Ciência e Meio Ambiente Notícias

Temas

Home

China quer destruir com arma de laser o lixo espacial

O espaço que circunda diretamente a Terra está cada vez mais lotado de lixo espacial. Todos objetos que se coloca em órbita, sejam satélites ou até a Estação Espacial se fragmentam ou eles próprios se tornam detritos orbitando o planeta quando perdem sua vida útil. Ao longo do tempo se acumularam de maneira a criar um cinturão de lixo, com enormes chances de uma peça atingir um satélite em funcionamento, prejudicando ou destruindo um investimento multimilionário.

As agências espaciais elaboram planos para se livrar do lixo espacial no futuro, limpando órbitas interessantes para novos satélites e equipamentos. A NASA está considerando usar jatos de gás para diminuir os detritos e fazer com que eles deixem suas órbitas quando estiverem próximos ao final da vida útil.

A Europa está pensando em enviar um satélite com uma rede gigante capturar os detritos e derrubá-los. A idéia do Japão é usar uma cinta elétrica para fazer o mesmo.

Agora a China propôs uma solução para o problema dos detritos espaciais: um laser gigante que destruirá o lixo em espaço quebrando-o em peças menores e menos nocivas.

De acordo com um artigo publicado na revista Optik por um grupo de pesquisadores da Universidade de Engenharia da Força Aérea da China, o equipamento com esse laser seria efetivo o suficiente para limpar o espaço, pelo menos de acordo com simulações. (#Envolverde)

Rua Domingos Marreiros, 49. Sala/210. CEP- 66.055-210
Belém - PA
Fone/Fax: 3242-5264
E-mail:
oliverbrasil9@gmail.com